quarta-feira, 11 de agosto de 2010

view points


ela faz a pergunta provocativa: falar a verdade é gafe?
nunca, em tempo algum da história, a verdade foi tão subjetiva como agora, apesar e graças à mídia e toda avançada tecnologia. penso.
ah,não liguei mais, não apareci porque não quis - (não dá pra dizer, mas que às vezes dá vontade, dá...)
cheguei atrasada como uma das formas de auto-boicote...(eu digo pra mim, para os outros não dou falsas desculpas).
acho muito feio bocas inchadas de botox.
implico com homem que usa mocassim e tem mãos pequenas em proporção ao seu tamanho.(se não tiver nenhum por perto...)
desconfio das pessoas sempre doces, não é verdade. debato.
detesto gente fanática.
detesto sedutores/sedutoras.os que se alimentam da energia dos outros para alimentar a que não tem.
as pessoas cujo maior objetivo é ter razão não se dão conta disso porque não sabem ouvir nem a si mesmas, portanto nem os outros.(não falo na frente delas,não adianta).
insuportável essas pessoas que não abrem espaço quando a porta do metrô abre, ficam plantadas como tocos de árvores derrubadas.(eu falo com licença, por favor,mas acho tão cafona e absurdo ter que dizer).



Um comentário:

** LULUS DA MODA** disse...

É minha cara companheira da Lei Mística, ainda bem que estamos nos revolucionando sempre..rss
Sempre em Mutação.rss
Lembrei-me de uma frase que traduz um pouco do que senti ao ler este post.

" Em tempos de fraudes universais, dizer a verdade vira ato revolucionário." George Orwell"

Uma òtima semana!!

Related Posts with Thumbnails